The Rolling Stones – Out Of Our Heads (1965)

The-Rolling-Stones-Out-Of-Our-Heads-US-album-cover-820

4a4e7-downloadpic3Out Of Our Heads é o terceiro álbum de estúdio na discografia Britânica e o quarto na discografia norte-americana da banda The Rolling Stones, lançado em 1965. Foi lançado nos Estados Unidos em 30 de julho pela London Records, e no Reino Unido em 24 de setembro pela Decca Records. A versão americana do álbum foi o primeiro disco dos Stones a alcançar um milhão de cópias vendidas e a alcançar o primeiro lugar entre os mais vendidos nos Estados Unidos, muito graças ao sucesso de “(I Can’t Get No) Satisfaction”. O sucesso deste álbum nos Estados Unidos, e, principalmente, o estrondoso sucesso obtido pela canção, foram decisivos para alçar os Rolling Stones, até então apenas uma das grandes bandas de Rock da Invasão Britânica, em A Grande Banda de Rock do mundo, ao lado e rivalizando a partir daí, com os Beatles.

The Rolling Stones – “Still Life” (American Concert 1981) (1982)

images (4)

4a4e7-downloadpic3“Still Life” (American Concert 1981)’ é o quarto álbum ao vivo da banda britânica de Rock and Roll The Rolling Stones, lançado em 1982. Gravado durante a última parte da excursão americana da banda em 1981, foi lançado durante a turnê européia, no verão seguinte, em 1982. “Still Life” foi produzido com o fim de reproduzir os melhores momentos da American Tour 1981, a qual entraria pra história como uma das melhores da história da banda, além de dar início a um novo tipo de shows, com palcos gigantescos, e duração de até 3 horas, algo inovador e que se tornaria um modelo copiado à exaustão pelos grandes músicos pop internacionais a partir de então.

The Rolling Stones – It’s Only Rock ‘n’ Roll (1974)

SharedImage-30843

4a4e7-downloadpic3It’s Only Rock ‘n’ Roll é o décimo segundo álbum de estúdio da banda de rock inglesa The Rolling Stones, lançado em 1974. Este foi o último álbum do The Rolling Stones com o guitarrista Mick Taylor e a composição e gravação da faixa título do álbum foi a conexão para eventual substituição do insatisfeito Taylor por Ronnie Wood. O álbum tem um som mais rock do que seu álbum anterior Goats Head Soup (1973), mas também tem funk e soul, inspirado no mesmo Goats Head Soup. O álbum alcançou # 1 nas paradas Estados Unidos e # 2 no Reino Unido.

The Rolling Stones – 12 X 5 (1964)

118661877

4a4e7-downloadpic312 X 5 é o segundo álbum de estúdio na discografia estadunidense da banda de rock britânica The Rolling Stones, lançado em 1964, após o enorme sucesso de seu álbum estréia The Rolling Stones no Reino Unido e das vendas promissores de sua versão americana, England’s Newest Hit Makers. O álbum, manteve a receita de seu antecessor, tendo o repertório de covers de clássicos do Rythm and blues americano. No entanto, ele contém três composições da ainda principiante dupla Mick Jagger / Keith Richards, os Glimmer Twins, bem como duas composições do grupo sob o pseudônimo de “Nanker Phelge”. 12 X 5 foi lançado em 17 de outubro de 1964, tendo sucesso ainda maior que seu antecessor The Rolling Stones, atingindo o 3º lugar entre os discos mais vendidos nos Estados Unidos e virando Disco de Ouro rapidamente.

The Rolling Stones -Beggars Banquet (1968)

R-459312-1357088272-6961.jpeg

4a4e7-downloadpic3Beggars Banquet é o nono álbum de estúdio na Discografia Americana, e o sétimo na Discografia Britânica da banda de rock inglesa The Rolling Stones, lançado pela Decca Records / ABCKO Records no Reino Unido e pela London Records /ABKCO nos Estados Unidos 6 de dezembro de 1968. Ele marcou um retorno às raízes R&B da banda, geralmente visto como mais primitivo do que a psicodelia do álbum anterior, o Their Satanic Majesties Request, de 1967. Este álbum está na lista dos 200 álbuns definitivos no Rock and Roll Hall of Fame. Beggars Banquet foi um grande sucesso comercial, alcançando # 3 no Reino Unido e em # 5 nos Estados Unidos (disco de platina). Foi o terceiro álbum de Suas Majestades Satânicas a alcançar um milhão de cópias vendidas apenas nos Estados Unidos. A partir deste álbum, todos os álbuns posteriores de músicas inéditas em estúdio da banda, sempre alcançaram, no mínimo, um milhão de cópias vendidas entre os norte-americanos.

The Rolling Stones – Bridges To Babylon (1997)

29set17a

4a4e7-downloadpic3Bridges to Babylon é o vigésimo primeiro álbum de estúdio com músicas inéditas na Discografia britânica e o vigésimo terceiro na Discografia Americana da banda de Rock The Rolling Stones, lançado pela Virgin Records em 29 de setembro de 1997. Foi o segundo é último álbum de inéditas dos Stones na Década de 1990, período em que suas turnês mundiais, inclusive a Bridges to Babylon Tour, apresentaram shows cada vez mais caros e impactantes, alcançando grande sucesso, públicos recordes, e faturamento milionário, com os membros surpreendendo e admirando com a vitalidade e boa forma demonstrada, especialmente Mick Jagger.

The Rolling Stones – The Rolling Stones (1964)

mzi.qtiyylpq.600x600-75

4a4e7-downloadpic3The Rolling Stones é o álbum de estreia da banda de rock inglesa homônima, lançado pela Decca Records no Reino Unido em 16 de abril de 1964. A edição americana do LP, ligeiramente diferentes no que diz respeito às faixas, foi lançada pela London Records, em 30 de maio de 1964, sob o título de England’s Newest Hit Makers. Foi produzido por Andrew Oldham e Eric Easton. The Rolling Stones se tornou um dos maiores vendedores de 1964 no Reino Unido, sendo o disco mais vendido do país por 12 semanas consecutivas, enquanto England’s Newest Hitmakers alcançou # 11 nos Estados Unidos, sendo disco de ouro.